Carregando...
Jusbrasil - Legislação
18 de setembro de 2019

Lei 4483/64 | Lei nº 4.483, de 16 de novembro de 1964

Publicado por Presidência da Republica (extraído pelo Jusbrasil) - 54 anos atrás

LEIAM 0 NÃO LEIAM

Reorganiza o Departamento Federal de Segurança Pública, e dá outras providências. Ver tópico (100 documentos)

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA , faço saber que o CONGRESSO NACIONAL decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art 1º Ao Departamento Federal de Segurança Pública (D.F.S.P.), com sede no Distrito Federal, diretamente subordinado ao Ministro da Justiça e Negócios Interiores, dirigido por um Diretor-Geral, nomeado em comissão e da livre escolha do Presidente da República, compete, em todo território nacional: Ver tópico (4 documentos)

a) a superintendência dos serviços de Polícia marítima, aérea e de fronteiras; Ver tópico

b) a fiscalização nas fronteiras terrestres e na orla marítima; Ver tópico

c) a apuração, com a cooperação dos órgãos competentes do Ministério da Fazenda e em colaboração com as autoridades dos Estados, dos ilícitos penais praticados em detrimento de bens, serviços ou interêsses da União; Ver tópico

d) a apuração em colaboração com as autoridades dos Estados, dos crimes que, por sua natureza, características ou amplitude transcendam o âmbito de uma unidade federada ou que, em virtude de tratados ou convenções internacionais, o Brasil se obrigou a reprimir; Ver tópico

e) a investigação e apuração, em colaboração com as autoridades dos Estados de crimes praticados contra agentes federais, no exercício de suas funções; Ver tópico

f) a censura de diversões públicas, em especial, a referente a filmes cinematográficos, quando transponham o âmbito de um Estado; Ver tópico

g) a execução em colaboração com as autoridades dos Estados, de medidas tendentes a assegurar a incolumidade física do Presidente da República, de Diplomatas e visitantes oficais estrangeiros, bem como dos demais representantes dos Podêres da República, quando em missão oficial; Ver tópico

h) a coordenação e a interligação, no país dos serviços de identificação datiloscópica, civil e criminal; Ver tópico

i) a formação, o treinamento e a especialização profissional de seu pessoal e, quando solicitado de integrantes das Polícias dos Estados, Distrito Federal e Territórios; Ver tópico

j) a prestação de assistêncla técnica e científica, de natureza policial aos Estados, Distrito Federal e Territórios, quando solicitada; Ver tópico

l) a cooperação, no país, com os serviços policiais relacionados com a criminalidade internacional ou interestadual; Ver tópico

m) a supervisão e a colaboração no policiamento das rodovias federais; Ver tópico

n) a execução de outros serviços de policiamento atribuídos à União, de conformidade com a legislação em vigor; Ver tópico

o) a apuração dos crimes nas condições previstas no art. do Código Penal, quando solicitado pelas autoridades estaduais ou ocorrer interêsse da União; Ver tópico

p) a apuração dos crimes contra a vida ou contra comunidades silvícoIas, no país, em colaboração com o Serviço de Proteção aos Índios. Ver tópico

Parágrafo único. A nomeação do Diretor-Geral do Departamento Federal de Segurança Pública (DFSP) só será feita depois de aprovada a escolha pelo Senado Federal. Ver tópico

Art 2º O D.F.S.P. compõe-se de: Ver tópico

- Gabinete do Diretor-Geral (GDG);

- Conselho Superior de Polícia (CSP);

- Divisão de Operações (D.O.);

- Polícia Federal de Investigações (PFI);

- Polícia Federal de Segurança (P.F.S.);

- Instituto Nacional de Identificação (INI);

- Instituto Nacional de Criminalística (INC);

- Academia Nacional de Polícia (ANP);

- Divisão de Administração (DA);

- Divisão de Serviços Gerais (DSG);

§ 1º O Conselho Superior de Polícia (C. S. P.) é órgão consultivo e opinativo do D.F.S.P., competindo-lhe, ainda, a apreciação do merecimento e do julgamento disciplinar. Ver tópico

§ 2º A Corregedoria integrará o Gabinete do Diretor-Geral. Ver tópico

Art 3º A Divisão de Operações (D O) compreenderá: Ver tópico

- Serviço de Planejamento (S P);

- Serviço de Operações (S O);

- Serviço de Informações (S I);

Art 4º A Polícia Federal de Investigações (PFI), compreenderá: Ver tópico

- Divisão de Polícia Marítima, Aérea e de Fronteiras (DPMAF);

- Divisão de Repressão ao Contrabando e ao Descaminho (DRCD);

- Divisão de Polícia Fazendária (DPF);

- Serviço de Repressão a Tóxicos e Entorpecentes (SRTE);

- Serviço de Repressão ao Tráfico de Pessoas (SRTP).

Art 5º A Polícia Federal de Segurança (PFS) compreenderá: Ver tópico (1 documento)

- Divisão de Ordem Política e Social (DOPS);

- Serviço de Censura de Diversões Públicas (SCDP);

- Serviço de Polícia Rodoviária (SPR);

- Serviço de Diligências Especiais (SDE).

Art 6º Para o desempenho dos encargos que lhes são atribuídos, DESP organizará Delegacias Regionais no território nacional, de 3 (três) categorias, segundo sua importância, as quais serão situadas, instaladas e estruturadas por decreto do Poder Executivo, de acôrdo com as necessidades do serviço. Ver tópico

Parágrafo único. O DFSP na forma do artigo 18, parágrafo 3º, da Constituição Federal, promoverá com as Unidades da Federação, os convênios necessárias ao cumprimento de suas atribuições. Ver tópico

Art 7º Nas investigações a que se referem as letras c ,d e e do artigo 1º, desta lei, os funcionários do DFSP, delas incumbidos, agirão em coordenação com os demais funcionários federais em serviço na região e em colaboração com as autoridades das polícias locais às quais darão e delas, reciprocamente receberão todo o apoio e assistência necessários ao perfeito cumprimento da missão. Ver tópico

§ 1º Os órgãos do DFSP encarregados dessas investigações, poderão promovê-las através de processo próprio, paralela ou independentemente dos processos policiais, administrativos que tenham sido instaurados sôbre o mesmo fato, sempre que circunstâncias relevantes assim o recomendarem. Ver tópico

§ 2º Os procuradores da República nos Estados serão cientificados pelo DFSP, diretamente ou através de suas Delegacias, da instauração do processo, dos motivos que o determinaram, das conclusões a que chegou e do destino que lhe foi dado para os efeitos do disposto nos artigos 37 e 38, da Lei número 1.341 de 30 de janeiro de 1951. Ver tópico

§ 3º O Ministro da Justiça e Negócios Interiores, por solicitação do Diretor-Geral, poderá requisitar qualquer Ministério, no interêsse do serviço do Departamento Federal de Segurança Pública, os funcionários necessários. Ver tópico

Art 8º A estrutura e a competência dos órgãos componentes do DFSP bem como as atribuições de seu pessoal, serão fixadas em regulamento pelo Poder Executivo, no prazo de noventa (90) dias observado o disposto nos artigos 1º, 2º, 3º, 4º, 5º, 10, 11, 12, 13 e 14 desta Lei. Ver tópico

Parágrafo único. No prazo previsto neste artigo, o Poder Executivo encaminhará Mensagem ao Congresso Nacional, acompanhada de projeto do Estatuto Policial. Ver tópico

Art 9º O DFSP terá autonomia administrativa, sendo no Orçamento Geral da República, tôdas as suas despesas atendidas através de dotações globais. Ver tópico

§ 1º As dotações referidas neste artigo, serão automàticamente registradas pelo Tribunal de Contas da União e distribuídas à Tesouraria do D. F. S. P. Ver tópico

§ 2º Até o dia 15 de dezembro de cada exercício, o Diretor-Geral do DFSP, submeterá à apreciação do Ministro da Justiça e Negócios Interiores um plano de aplicação das verbas consignadas no orçamento do ano seguinte. Ver tópico

§ 3º Durante o exercício financeiro, mediante autorização do Ministro da Justiça e Negócios Interiores, poderá ser alterada a discriminação das despesas de que trata o parágrafo precedente. Ver tópico

Art 10. O DFSP contará com uma Contadoria Seccional, com as atribuições que lhe são próprias. Ver tópico

Art 11. A aquisição de material bem como as obras que se tornarem necessárias, serão efetuadas mediante concorrência pública ou prévia coleta de preços pelo DFSP observadas as normas adotadas pelo Departamento Federal de Compras e de acôrdo com o Código de Contabilidade e a Lei Orgânica do Tribunal de Contas da União. Ver tópico

Art 12. Mediante o emprêgo de carimbo especial, a correspondência postal-telegráfica, ou através de outros meios de Comunicação do DFSP e das Polícias dos Estados, Distrito Federal e Territórios com aquêle, gozará de franquia e terá o caráter de urgente. Ver tópico

Art 13. Aos integrantes do DFSP expressamente credenciados pelo Diretor-Geral, mediante documento hábil será assegurada, quando em cumprimento de diligência especial de caráter urgente, prioridade em todos os serviços de transporte e comunicações, públicos ou privados, no território nacional. Ver tópico

Art 14. Os quadros do Pessoal do DFSP são os constantes dos anexos a esta Lei e a êle expressamente referidos. Ver tópico

Parágrafo único. O provimento dos cargos efetivos do Serviço Polícial (POL) constantes dos Quadros de que cogita êste artigo, ainda quando se trate de acesso, fica condicionado à aprovação em curso especializado na Academia Nacional de Polícia, onde o candidato ingressará, após prévio concurso público de provas; dependendo de aprovação em concurso público de provas ou de provas e títulos, o provimento dos demais cargos constantes dos referidos Quadros. Ver tópico

Art 15. A Polícia do Distrito Federal, integrada no DFSP incumbem o policiamento e a segurança da Capital da República e das demais áreas que delimitam o território do mesmo Distrito. Ver tópico (2 documentos)

Parágrafo único. A partir de 31 de janeiro de 1966, a Polícia do Distrito Federal, integrará a Secretaria de Segurança Pública do mesmo Distrito, e terá definida, por decreto do Poder Executivo da República, a sua subordinação administrativa. Ver tópico (2 documentos)

Art 16. A Polícia do Distrito Federal compõe-se de: Ver tópico (1 documento)

- Gabinete (GAB);

- Conselho Superior da Polícia do Distrito Federal (CSPDF);

- Central de Operações (CO);

- Divisão de Polícia Judiciária (DPJ);

- Divisão de Polícia Técnica (DPT);

- Divisão de Operações (DO);

- Divisão de Serviços Gerais (DSG);

- Polícia Militar (PMDF);

- Corpo de Bombeiros (CBDF).

§ 1º Para a execução do serviço de policiamento e segurança, a Polícia do Distrito Federal, organizará zonas policiais, no território de sua jurisdição, inicialmente em número de cinco (5), situadas, instaladas e estruturadas por decreto do Poder Executivo. Ver tópico

§ 2º A estrutura e a competência dos órgãos componentes da Polícia do Distrito Federal, bem como as atribuições de seu pessoal, serão regulamentados pelo Poder Executivo, no prazo de noventa (90) dias, observado o disposto nos artigos 15, 17 e 18 desta Lei. Ver tópico

§ 3º A Polícia do Distrito Federal, enquanto integrar o DFSP, será dirigida por um Chefe de Polícia, nomeado em comissão pelo Presidente da República. Ver tópico

§ 4º É fixada em Cr$600.000,00 (seiscentos mil cruzeiros) mensais a remuneração do cargo em comissão, referido no parágrafo 3º dêste artigo. Ver tópico

Art 17. O Quadro do Pessoal Civil da Polícia do Distrito Federal, é o que, nas tabelas anexas a ela se refere expressamente. A polícia Militar e o Corpo de Bombeiros terão seus quadros e efetivos reorganizados pelo Poder Executivo. Ver tópico

Parágrafo único. Para provimento dos cargos constantes do quadro do pessoal civil referido neste artigo, observar-se-á o disposto no parágrafo único do artigo 14, desta Lei. Ver tópico

Art 18. O Poder Executivo, dentro de noventa (90) dias, e de acôrdo com proposta apresentada pelo Diretor-Geral do DFSP, lotará nos quadros dêsse Departamento ou nos da Polícia Federal, os atuais servidores do DFSP, efetivados por força do disposto no parágrafo único do artigo 23, da Lei nº 4.069, de 11 de junho de 1962 e, bem assim, os funcionários que retornaram aos serviços da União - nos têrmos do artigo 46 da Lei nº 4.242, de 17 de julho de 1963. Ver tópico (1 documento)

Art 19. O enquadramento dos servidores do Departamento Federal de Segurança Pública, admitidos até a vigência da Lei nº 4.069, de 11 de junho de 1962, e, conseqüentemente, amparados pelo disposto no parágrafo único, do artigo 23, da referida Lei, far-se-á nos Quadros constantes dos Anexos da presente Lei, atendidas as peculiaridades de atribuições e remuneração, à época da efetivação e observado o constante no Decreto nº 52.265, de 16 de julho de 1963. Ver tópico (3 documentos)

Parágrafo único. Os servidores em exercício no DFSP, na vigência desta Lei, cuja situação não esteja prevista neste artigo, serão aproveitados nas classes constantes dos Quadros em Anexo, equivalentes às funções que exercem e atendidas as peculiaridades de atribuições e remuneração e Lei, assim o constante do Decreto número 52.265, de 16 de julho de 1963, ficando matriculados, compulsòriamente, em cursos correspondentes da Academia Nacional de Polícia, ao término dos quais, se aprovados, serão automàticamente efetivados. Ver tópico (1 documento)

Art 20. Ao Pessoal civil transferido para o serviço da União por fôrça do artigo 46, da Lei nº 4.242, de 17 de julho de 1963, e, bem assim, ao referido no Decreto nº 51.523, de 1º de agôsto de 1962, lotado no Departamento Federal de Segurança Pública, ou na Polícia do Distrito Federal, aplicam-se as mesmas regras de enquadramento e os mesmos critérios previstos no artigo anterior, devendo integrar os referidos quadros, de acôrdo com a organização e escalonamento hierárquicos, em que venham a ser constituídos. Ver tópico (5 documentos)

Art 21. Os servidores referidos no artigo anterior, que não venham a integrar os Quadros ora criados, os do Ministério da Justiça e Negócios Interiores, aprovados pelo Decreto número 51.629, de 10 de dezembro de 1962, e, bem assim os de responsabilidade da União constituirão Quadros de Pessoal, controlados pelo Departamento Administrativo do Serviço Público, grupados de acôrdo com os critérios de enquadramento que forem aplicáveis, devendo os cargos ser suprimidos, por decreto, à medida em que vagarem nas classes iniciais. Ver tópico

Art 24. São suprimidos no Grupo Ocupacional PF - 300 - Segurança Pública e investigação quatro (4) cargos de Agentes de Polícia Federal - B - e criados no Grupo Ocupacional EC - 700 - Pesquisa a Orientação Educacional, quatro (4) cargos de Professor de Educação Física. Ver tópico

Art 25. Para o atendimento de suas finalidades e de conformidade com o art. desta Lei a D. F. S.P. instalará, desde logo, oito (8) Delegacias Regionais no território nacional. Ver tópico

Art 26. No corrente exercício, as despesas com o D.F.S. P., ressalvadas as decorrentes da aplicação da Lei nº 4.345 de 26 de junho de 1964, serão atendidas pelas dotações próprias consignadas no Orçamento da União, e, em relação ao pessoal referido no art. 20 in fine mediante destaque das dotações consignadas no Anexo nº 4 - Poder Executivo Sub-anexo nº 4.24 - Órgãos transferidos da União para o Estado e Guanabara - do Ministério da Fazenda. Ver tópico

Parágrafo único. Para atender às despesas de qualquer natureza decorrentes da instalação e custeio dos serviços previstos nesta Lei é o Poder Executivo autorizado a abrir pelo Ministério da Fazenda, o crédito especial de Cr$3.000.000.000,00 (três bilhões de cruzeiros). Ver tópico

Art 27. É revogada, a Lei nº 2.492 de 21 de maio de 1955, bem como o art. 53 e seus parágrafos, da Lei número 3.751, de 13 de abril de 1960, e demais disposições em contrário. Ver tópico

Art 28. Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação. Ver tópico

Brasília, 16 de novembro de 1964; 143º da Independência e 76º da República.

H. CASTELLO BRANCO

Milton Soares Campos

Ernesto de Mello Baptista

Arthur da Costa e Silva

Vasco da Cunha

Otávio Gouveia de Bulhões

Juarez Távora

Hugo de Almeida Leme

Flávio Lacerda

Arnaldo Sussekind

Nelson Freire Lavenère Wanderley

Raimundo Brito

Daniel Faraco

Mauro Thibau

Roberto de Oliveira Campos

Oswaldo Cordeiro de Farias

Este texto não substitui o publicado no D.O.U. de 20.11.1964

DEPARTAMENTO FEDERAL DE SEGURANÇA PÚBLICA

ANEXO I

CARGOS DE PROVIMENTO EM COMISSÃO

Nº de

Cargos

DENOMINAÇÃO

Símbolo

Qualificação


DIREÇÃO SUPERIOR



1

Diretor-Geral

(*)


1

Chefe de Gabinete

1-C


1

Diretor da Divisão de Operações

1-C


1

Corregedor

2-C



DIREÇÃO INTERMEDIÁRIA



1

Diretor da Divisão de Administração

3-C

Funcionários do D.F.S.P.

1

Diretor da Divisão de Serviços Gerais

3-C


1

Diretor do Instituto Nacional de Criminalística

3-C

Funcionário do D.F.S.P.

1

Diretor do Instituto Nacional de Identificação

3-C

Funcionário do D.F.S.P.

1

Diretor da Divisão de Polícia Marítima, Aérea e de Fronteiras - P. F. I.

4-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Diretor da Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho - P.F.I.

4-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Diretor da Divisão de Polícia Fazendária - P.F.I.

4-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Diretor da Divisão de Ordem Política e Social - P. F. S.

4-C


1

Chefe do Serviço de Repressão a Tóxicos e Entorpecentes - P. F. I.

5-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Chefe do Serviço de Repressão ao Tráfico de Pessoas - P.F.I.

5-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Chefe do Serviço de Censura de Diversões Públicas - P. F. S.

5-C

Funcionário do D.F.S.P.

1

Chefe do Serviço de Polícia Rodoviária - P. F. S.

5-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Chefe do Serviço de Diligências Especiais - P. F. S.

5-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Chefe do Serviço de Planejamento - D. O.

5-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal

1

Chefe do Serviço de Operações - D. O.

5-C

Delegado ou Insp. Polícia Federal


CARGOS DE OUTRA NATUREZA



2

Delegado Regional do D.F.S.P. - 1ª Categoria

1-C


1

Diretor de Polícia Federal de Investigações

2-C


2

Delagado Regional do D.F.S.P. - 2ª Categoria

2-C


1

Diretor de Polícia Federal de Segurança

2-C


4

Delegado Regional do D.F.S.P. - 3ª Categoria

3-C


1

Diretor da Academia Nacional de Polícia

3-C


1

Chefe do Serviço de Informações

5-C


1

Chefe do Serviço de Comunicações - D. S. G.

5-C


(*) Vencimentos idênticos aos do Prefeito do Distrito Federal

ANEXO II

SERVIÇO: ADMINSTRAÇÃO, ESCRITÓRIO E FISCO

Grupo Ocupacional - AF-100 - Administração de Material

Nº de

Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

6

Almoxarife "B"

AF-101-16-B


10

Almoxarife "A"

AF-101-14-A


20

Armazenista "B"

AF-102-10-B

Almox. "A" e Ass. Com. "A"

30

Armazenista "A"

AF-102-8-A


4

Assistente Comercial "C"

AF-103-16-C

Técnico de Adm. "A"

8

Assistente Comercial "B"

AF-103-14-B


12

Assistente Comercial "A"

AF-103-12-A


SERVIÇO: ARTÍFICE - A

Grupo Ocupacional - A-100 - Alvenaria, Cantaria e Pintura

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

1

Pedreiro "C"

A-101-10-C


2

Pedreiro "B"

A-101-9-B


3

Pedreiro "A"

A-101-8-A


6

Pintor "C"

A-105-10-C


4

Pintor "B"

A-105-9-B


6

Pintor "A"

A-105-8-A


SERVIÇOS: COMUNICAÇÕES E TRANSPORTES

Grupo Ocupacional - CT-200 - Comunicações

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

25

Estafeta "A"

CT-204-7-A


3

Telegrafista "C"

CT-207-16-C


5

Telegrafista "B"

CT-207-14-B


8

Telegrafista "A"

CT-207-12-A


20

Teletipista

CT-208-8


6

Telefonista "B"

CT-214-7-B


6

Telefonista "A"

CT-214-6-A


SERVIÇO: EDUCAÇÃO E CULTURA

Grupo Ocupacional - EC-100 - Biblioteca

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

2

Bibliotecário "B" (*)

EC-101-20-B


4

Bibliotecário "A"(*)

EC-102-19-A


SERVIÇO: GUARDA, CONSERVAÇÃO E LIMPEZA

Grupo Ocupacional - GL-100 - Conservação e Limpeza

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

8

Zelador "B"

GL-101-8-B

Porteiro "A"

12

Zelador "A"

GL-101-7-A


20

Serviçal "B"

GL-102-6-B


30

Serviçal "A"

GL-102-5-A


80

Servente

GL-104-5


SERVIÇO: PROFISSIONAL

Grupo Ocupacional - P-400 - Belas-Artes e Artes Aplicadas

Nº de Cargos

Série de Classes ou Classes

Código

Acesso

1

Ténico e Artes Gráficas "B"

P-405-16-B


1

Técnico de Artes Gráficas "A"

P-405-14-A


Grupo Ocupacional - P-1400 - Estatístico Grupo Ocupacional - P-1600 - Laboratórios Grupo Ocupacional - P-1700 - Medicina, Farmácia e Odontologia Grupo Ocupacional - P-2000 - Telecomunicações Grupo Ocupacional - P-2200 - Tradutor Grupo Ocupacional - TC-200 - Astronomia, Física e Química Grupo Ocupacional - TC-300 - Atuária e Contabilidade Grupo Ocupacional - TC-500 - Economia e Finanças Grupo Ocupacional - TC-600 - Engenharia e Arquitetura Grupo Ocupacional - TC-800 - Medicina Grupo Ocupacional - TC-900 - Odontologia Grupo Ocupacional - TC-1400 - Estatístico ANEXO III

CARGOS DE OUTRA NATUREZA

Nº de Cargos

Denominação

Síbolo Nível

Qualificação

5

Assistente Jurídico

(*)

Bacharel em Direito

15

Tesoureiro Auxiliar

(**)

Lei 4.061 de 8-5-62

3

Escrivão (***)

6-C

Lei 3.751 de 13-4-60

(*) De acôrdo com a legislação em vigor.

(**) De acôrdo com a legislação vigente.

(***) Os cargos de Escrivão, Símbolo 6-C, ir-se-ão extinguindo à medida em que forem vagando.

ANEXO IV

SERVIÇO: POLÍCIA FEDERAL

Grupo Ocupacional - PF-100 - Censura Federal




Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Nível

Acesso

Qualificação

7

Censor Federal "B"

PF-101-18-B

18

Inspetor de Polícia Federal "A"

Curso Colegial

13

Censor Federal "A"

PF-101-17-A

17

"

"

Grupo Ocupacional - PF-200 - Datiloscopia Policial Grupo Ocupacional - PF-300 - Perícia Federal Grupo Ocupacional - PF-400 - Preparação Processual Federal Grupo Ocupacional - PF-500 - Rodoviário Polícia Federal Grupo Ocupacional - PF-600 - Segurança Pública e Investigação (*) Vencimento de Professor Catedrático.

POLíCIA DO DISTRITO FEDERAL ANEXO I

CARGOS DE PROVIMENTO EM COMISSÃO

Nº de Cargos

Denominação

Símbolo

Qualificação


DIREÇÃO SUPERIOR



1

Chefe de Polícia

(*)


1

Chefe de Gabinete

2-C


1

Diretor da Central de Operações

2-C



DIREÇÃO INTERMEDIÁRIA



1

Diretor da Divisão de Serviços Gerais

3-C

Funcionário da P.B.

1

Diretor da Divisão de Polícia Judiciária

3-C

Delegado ou Comissário de Polícia

1

Diretor da Divisão de Operações

3-C

Integrante da F.P.

1

Diretor da Divisão de Polícia Técnica

4-C

Funcionário da D.P.T.


CARGOS DE OUTRA NATUREZA



5

Diretor de Zona Policial

3-C


(*) Nível especial.

ANEXO II

SERVIÇO: ADMINISTRAÇÃO, ESCRITÓRIO E FISCO

Grupo Ocupacional - AF-100 - Administração de Material

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

2

Almoxarife "B"

AF-101-16-B


4

Almoxarife "A"

AF-101-14-A


10

Armazenista "B"

AF-102-10-B

Almox. "A" e Ass. Com. "A"

15

Armazenista "A"

AF-102-8-A


1

Assistente Comercial "C"

AF-103-16-C

Técnico de Adm. "A"

2

Assistente Comercial "B"

AF-103-14-B


3

Assistente Comercial "A"

AF-103-12-A


SERVIçO: ARTíFICE - A SERVIÇO: COMUNICAÇÃO E TRANSPORTE

Grupo Ocupacional - CT-200 - Comunicação

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

25

Estafeta "A"

CT-204-7-A


2

Telegrafista "C"

CT-207-16-C


4

Telegrafista "B"

CT-207-14-B


6

Telegrafista "A"

CT-207-12-A


20

Telefonista

CT-208-9

Telegrafista "A"

6

Telefonista "B"

CT-214-7-B


10

Telefonista "A"

CT-214-6-A


SERVIÇO: EDUCAÇÃO E CULTURA

Grupo Ocupacional - EC-100 - Biblioteca

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

2

Bibliotecário "B" (*)

EC-101-20-B


4

Bibliotecário "A"(*)

EC-101-19-A


(*) De acordo com a nova regulamentação, para possuidores de nível universitário.

SERVIÇO: GUARDA, CONSERVAÇÃO E LIMPEZA

Grupo Ocupacional - GL-100 - Conservação e Limpeza

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

8

Zelador "B"

GL-101-8-B

Porteiro "A"

12

Zelador "A"

GL-101-7-A


20

Serviçal "B"

GL-102-6-B


30

Serviçal "A"

GL-102-5-A


80

Servente

GL-104-5

Aux. de Portaria "A"

10

Servente de Necrópsia

GL-103-6

Aux. de Necrópsia

Grupo Ocupacional - GL-300 - Serviço de Portaria SERVIÇO: PROFISSIONAL

Grupo Ocupacional - P-500 - Cinematografia e Fotografia

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Acesso

2

Fotógrafo "C"

P-502-13-C


4

Fotógrafo "B"

P-502-11-B


8

Fotógrafo "A"

P-502-9-A


4

Operador Cinematográfico

P-504-7


Grupo Ocupacional - P-700 - Contabilidade Grupo Ocupacional - P-1000 - Desenhor e Cartografia Grupo Ocupacional - P-1100 - Eletrotécnico Grupo Ocupacional - P-1200 - Engenharia Grupo Ocupacional - P-1400 - Estatística Grupo Ocupacional - P-1600 - Laboratórios Grupo Ocupacional - P-1700 - Medicina, Farmácia e Odontologia Grupo Ocupacional - P-2000 - Telecomunicações Grupo Ocupacional - P-2200 - Tradutor Grupo Ocupacional - TC-300 - Atuária e Contabilidade Grupo Ocupacional - TC-500 - Economia e Finanças Grupo Ocupacional - TC-600 - Engenharia e Arquitetura Grupo Ocupacional - TC-800 - Medicina Grupo Ocupacional - TC-900 - Odontologia Grupo Ocupacional - TC-1000 - Veterinária Grupo Ocupacional - TC-1400 - Estatística Grupo Ocupacional - TC-1200 - Enfermagem

ANEXO III

CARGOS E OUTRA NATUREZA

Nº de Cargos

Denominação

Símbolo

Nível

Qualificação

3

Assistente Jurídico

(*)

Bacharel em Direito

(*) De acôrdo com a legislação em vigor (**) De acôrdo com a legislação de vigor ANEXO IV

SERVIÇO: POLICIAL METROPOLITANO - PM

Grupo Ocupacional - PM-100 - Censura

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Nível

Acesso

Qualificação

3

Censor "B"

PM-101-18-B

18

Comissário de Polícia "A"

Curso Colegial

6

Censor "A"

PM-101-17-A

17

"

"

Grupo Ocupacional - PM-200 -Médico-Legal Grupo Ocupacional - PM-300 - Policiamento (*) Vencimento de Delegado de Polícia.

Grupo Ocupacional - PM-500 - Preparação Processual

Nº de Cargos

Série de Classe ou Classes

Código

Nível

Acesso

Qualificação

10

Escrivão de Polícia "B"

PM-501-18-B

18

Comissário de Polícia "A"

Curso Colegial

20

Escrivão de Polícia "A"

PM-501-17-A

17


"

25

Escrivão de Auxiliar de Polícia "C"

PM-502-16-C

16

Escrivão de Polícia "A"

"

30

Escrivão Auxiliar de Polícia "B"

PM-502-15-B

15


"

40

Escrivão Auxiliar de Polícia "A"

PM-502-14-A

14


"

Grupo Ocupacional - PM-700 - Motorista Policial Grupo Ocupacional - PM-800 - Segurança Pública e Investigação (*) Vencimentos de Professor Catedrático.

×

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)